Galeria Intercultural Magliani

Outorga-se às galerias como um território intercultural, um lugar multiuso e de emponderamento de culturas diversas, onde poderes simbólicos são ressignificados, assim como a definição e a redefinição de ideologias, de acordo com a necessidade e na elaboração de se pensar novas simbologias que venham a contribuir à ordem social, embasadas pelos conceitos do poder simbólico pensado por Bourdieu (1989). Reivindicando neste território intercultural multiuso o reconhecimento de novas culturas, que constituem um novo poder simbólico visual e plástico transpassado pela pluralidade cultural, no qual tolerância, aceitação e respeito sejam mútuos num ideal social comum. A Universidade Federal do Pampa – UNIPAMPA, Campus Jaguarão, pode ser considerada como um território acadêmico de mobilidade e de transitoriedade de indivíduos advindos de diversos lugares do Brasil. Neste sentido, concebe-se a necessidade de implementar uma Galeria Intercultural, que facilite o diálogo com os estudantes através das artes plásticas e visuais, promovendo maior integração cultural entre a comunidade acadêmica e a comunidade externa. A proposta é de implementar a Galeria no saguão inferior que antecede o auditório, por assimilar que tal lugar seja um local de trânsito da comunidade acadêmica e que proporciona condições adequadas à contemplação das obras expostas. Intenta-se maior integração entre discentes e docentes na construção de novas simbologias culturais que permeiam o âmbito acadêmico da UNIPAMPA, assim como um lugar de experienciação expositiva das artes plásticas e visuais resultantes desta integração, espera-se, também, estimular a propagação do gosto pelas artes plásticas e visuais, como também incentivar os alunos e professores a compartilhar das suas linguagens estéticas, enquanto artistas, pesquisadores, estudiosos ou, ainda, apreciadores das artes.

Coordenação: Profª. Dra. Patrícia Schneider Severo