PIBID 2009 / Capes

O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência – PIBID é um programa da CAPES que disponibiliza bolsas para estudantes de cursos de licenciatura plena, para que eles exerçam atividades pedagógicas em escolas públicas de ensino básico, aprimorando sua formação e contribuindo para a melhoria de qualidade dessas escolas. O programa também concede bolsas para coordenadores e supervisores acompanharem e orientarem as atividades discentes.

Os principais objetivos do PIBID são:

  • incentivar os jovens a reconhecerem a relevância social da carreira docente;
  • promover a articulação teoria-prática e a integração entre escolas e instituições formadoras;
  • contribuir para elevar a qualidade dos cursos de formação de educadores e o desempenho das escolas nas avaliações nacionais.
  • incentivar a formação de professores para a educação básica;
  • valorizar o magistério, incentivando os estudantes que optam pela carreira docente;
  • elevar a qualidade das ações acadêmicas voltadas à formação inicial de professores nos cursos de licenciaturas das instituições federais de educação superior;
  • fomentar experiências metodológicas e práticas docentes de caráter inovador, que utilizem recursos de tecnologia da informação e da comunicação, e que se orientem para a superação de problemas identificados no processo ensino-aprendizagem;
  • valorizar o espaço da escola pública como campo de experiência para a construção do conhecimento na formação de professores para a educação básica;
  • proporcionar aos futuros professores participação em ações, experiências metodológicas e práticas docentes inovadoras, articuladas com a realidade local da escola.

 

Podem participar do PIBID Instituições Federais de Ensino Superior (IFES) e Centros Federais de Educação Tecnológica (CEFETs) que possuam cursos de licenciatura com avaliação satisfatória no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior – SINAES, entretanto, cada projeto institucional deve apresentar apenas um subprojeto por licenciatura.

O programa financia:

a)     bolsas de iniciação à docência a estudantes;

b)    bolsas de coordenação aos professores coordenadores de projetos institucionais;

c)     Bolsas de coordenação aos professores coordenadores de áreas de formação (subprojetos);

d)    bolsas de supervisão aos professores supervisores das disciplinas nas escolas.

Em dezembro de 2009 a UNIPAMPA teve aprovado seu Projeto Institucional “Articulações universidade-escola para qualificação da formação e da prática docente”, submetido ao Edital CAPES/DEB 02/2009.

Este projeto, composto por seis sub-projetos vinculados a seis diferentes cursos de licenciatura, entre estes, o curso de Licenciatura em Ciências Exatas de Caçapava de Sul, visa à qualificação da formação docente e à promoção da formação continuada e envolve escolas da rede privada municipal e estadual conveniadas com a Universidade. Participam do Projeto os cursos de Licenciatura em Letras, Física, Química e Matemática do Campus Bagé; o curso de Licenciatura em Ciências Exatas de Caçapava do Sul; e o Curso de Ciências Biológicas de São Gabriel.

O sub-projeto do Curso de Licenciatura em Ciências exatas tem como foco central à inserção de atividade didáticas na disciplina de Ciências do ensino fundamental tendo como aporte a teoria sócio-interacionista Vygotskyana, visando à interatividade entre os educandos e entre os educandos e o educador a fim de promover uma aprendizagem significativa.

Os seus principais objetivos são:

  • Estimular a excelência da formação docente, através do estudo dos princípios fundamentais da física, da química e da matemática;
  • Valorizar a formação de professores para o ensino de ciências na escola pública;
  • Desenvolver de atividades experimentais na perspectiva vygotskyana;
  • Desenvolver módulos didáticos para o ensino de ciências com a utilização novas tecnologias computacionais.

O sub-projeto do curso de Licenciatura em Ciências Exatas vem sendo desenvolvido desde dezembro de 2009 sob a coordenação dos professores Rafhael Brum Werlang, Angela Maria Hartmann e Zilda Bartto Vendrame e conta com a participação de 15 alunos-bolsistas e 3 supervisoras (professoras da rede pública Caçapava do Sul).