INFRAESTRUTURA

O campus Alegrete, tendo iniciado suas atividades em 2006, já possui boa parte da infraestrutura planejada para sua implantação, incluindo dois Blocos Acadêmicos, o Bloco Administrativo, o Bloco 1 de laboratórios das engenharias Mecânica e Agrícola (Bloco de Fenômenos de Transporte) e o Pavilhão do Laboratório de Materiais e Construção. Estão em construção os blocos de laboratórios das engenharias Elétrica (EE) e Civil (EC), que irão compartilhar seu espaço nas áreas de interface natural entre estes cursos, ensejando, portanto, seu uso interdisciplinar. Os laboratórios de automação, controle, robótica e conversão de energia compartilharão espaço com a Engenharia Elétrica, enquanto os das áreas de materiais, ensaios mecânicos e hidráulica com a Engenharia Civil. Os laboratórios planejados para a Engenharia Mecânica também beneficiarão os cursos de Engenharia Agrícola (EA), Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia de Telecomunicações (ET) e as pós-graduações em Engenharia Elétrica (PPGEE) e em Engenharia (PPEng).

Os Blocos Acadêmicos 1 e 2 possuem 18 salas de aula (9 climatizadas), das quais 2 (duas) possuem capacidade para 80 pessoas e 8 (oito) para 60, 5 salas são laboratórios de Informática e uma sala é específica para Desenho Técnico. Os laboratórios localizados nesses blocos, com capacidade média de 24 alunos por turma prática, são de: Física; Química; Eletrotécnica; Controle de Qualidade e Metrologia; Mecatrônica; Metalografia e Micro, Nano e Biomecânica.

O Pavilhão do Laboratório de Materiais e Construção, localizado ao lado do Bloco Acadêmico 2, atualmente abriga os laboratórios de: Ensaios Mecânicos, Usinagem, Fabricação, Mecânica Experimental e de Protótipos.

No Bloco de Fenômenos de Transporte estão em fase de implantação os laboratórios de: Sistemas Fluidomecânicos, Transferência de Calor e Termodinâmica, Sistemas Termomecânicos e Aerodinâmica.

O plano de implantação do campus Alegrete prevê a construção de outros 2 (dois) blocos de laboratórios para as engenharias Mecânica e Agrícola, onde será ampliado o espaço dos laboratórios do curso, permitindo a expansão e reestruturação dos mesmos por áreas afins.

 

 

INFRAESTRUTURA BÁSICA COMPARTILHADA

BIBLIOTECA

A Biblioteca do campus Alegrete tem por finalidade prover a comunidade acadêmica e local com a infraestrutura documental, buscando promover a disseminação da informação, em prol do desenvolvimento da educação, da ciência e da cultura. Ela dá suporte informacional às atividades de ensino, pesquisa e extensão, adotando modernas tecnologias para o tratamento, recuperação e transferência da informação. Seu acervo é composto por livros, obras de referência, CDs, DVDs, teses, periódicos, tanto físicos como acessíveis através do Portal de Periódicos da CAPES e da coleção de e-books da Springer.

Sua infraestrutura conta com um catálogo informatizado, possibilitando a pesquisa online por autor, título e assunto, bem como a renovação e reserva de materiais. Dos mais de 100.000 exemplares do Sistema de Bibliotecas da UNIPAMPA (SisBi), a biblioteca do campus Alegrete conta atualmente com mais de 13.000 exemplares[1], sendo os títulos dos outros campi acessíveis através do empréstimo entre bibliotecas. O acervo local de livros, CD-ROM, DVD, teses, normas e periódicos, está distribuído por grandes áreas de conhecimento (CNPq) da seguinte forma:

  • Ciências Exatas e da Terra: 5.233 exemplares
  • Ciências Biológicas: 77 exemplares
  • Engenharias: 5.122 exemplares
  • Ciências Agrárias: 172 exemplares
  • Ciências Sociais Aplicadas: 1.695 exemplares
  • Ciências Humanas: 329 exemplares
  • Linguística, Letras e Artes: 368 exemplares

Seu horário de funcionamento é de segunda à sexta das 8h às 12h e das 13h às 22h. A biblioteca pode ser contatada pelo fone (55) 3421-8403 – Ramal: 2002, ou pelo email: biblioteca.alegrete@unipampa.edu.br.

SALAS DE ESTUDO

O campus Alegrete destina uma sala para os monitores dos componentes curriculares do curso atenderem aos outros alunos em horários pré-determinados. Há também uma sala específica para os alunos de iniciação científica e de pós-graduação.

ACESSIBILIDADE

O Campus Alegrete dispõe na sua infraestrutura de recursos que buscam facilitar o acesso de pessoas portadoras de deficiência física aos recursos da Universidade. A seguir estão relacionados alguns dos elementos da infraestrutura do Campus voltados à acessibilidade:

  • Elevador que permite o acesso aos três níveis dos Blocos Acadêmicos (1 e 2) e Administrativo;
  • Escadas amplas com corrimão central e em suas laterais;
  • Banheiros exclusivos para pessoas com mobilidade reduzida, com estrutura interna adequada;
  • Bebedouros de altura reduzida nos três níveis do prédio;
  • Rampas de acesso ao prédio e vagas de estacionamento exclusivas para pessoas portadoras de deficiência física, devidamente demarcadas.

O Campus Alegrete está implantando adequações voltadas a pessoas com deficiência visual e auditiva. Na entrada do bloco acadêmico deverá ser colocada uma placa de informações em braile. Biblioteca e laboratórios também deverão conter placas de informação em braile contendo orientações aos usuários.

A biblioteca dispõe de impressora Braile e está montando um acervo de livros nesse formato e com recursos de áudio, dentre outros recursos.


[1] Dados disponíveis em < http://porteiras.r.unipampa.edu.br/portais/sisbi/page/2/>