Perfil do egresso

O PDI da Unipampa deixa claro que a instituição deve proporcionar uma sólida formação acadêmica generalista e humanística aos seus egressos. Essa perspectiva inclui a formação de sujeitos conscientes das exigências éticas e
da relevância pública e social dos conhecimentos, habilidades e valores adquiridos na vida universitária e inserção em respectivos contextos profissionais de forma autônoma, solidária, crítica, reflexiva e comprometida com o desenvolvimento local, regional e nacional sustentáveis, objetivando a construção de uma sociedade justa e democrática.

A formação generalista descrita no PDI da Unipampa precisa ser entendida como multidisciplinar ou interdisciplinar, pois o tecnólogo precisa atender às demandas do mercado, com formação profissionalizante que abranja o vasto campo do conhecimento em agronegócio.

Dessa forma, o Tecnólogo em Agronegócio formado pela Unipampa precisa ter como
características gerais:

ü ter bases de ciências biológicas, exatas, sociais e humanas que possibilitem a solução de problemáticas profissionais e o entendimento claro da interdisciplinariedade que possa relacionar conhecimentos de diferentes áreas do conhecimento;

ü ter entendimentos de ética e de exploração sustentável, com juízo crítico e autônomo, mas conhecedor dos métodos técnicos e científicos para tomadas de decisão;

ü ser consciente das boas práticas de produção agropecuária;

ü ser consciente das diversidades sociais e econômicas locais, regionais e nacionais;  e com visão crítica, capaz de interagir com diferentes agentes ligados ao desenvolvimento da sociedade;

ü saber trabalhar em grupo com senso crítico e democrático, mas com capacidade de liderança e apoiado em comportamento empreendedor.

Ao final do curso o profissional precisa estar apto a analisar, implantar e gerenciar atividades em cadeias produtivas agroindustriais, utilizando novas tecnologias de baixo impacto ambiental e preocupado com o desenvolvimento sustentável.

Ele precisa poder elaborar estudos e pesquisas que identifiquem o potencial da região, buscando inovações, utilizando seu capital intelectual e o aprendizado adquirido.

Deve ser cidadão crítico, ético e solidário, com visão empreendedora em agronegócios e possuir visão humanística, capaz de interagir com diferentes ramos de atividades.

O mercado busca profissionais altamente qualificados e com formação superior capazes de realizar atividades específicas como:

ü planejar e acompanhar as atividades das cadeias produtivas nos diferentes sistemas agroindustriais;

ü realizar estudos analisando a situação técnica, econômica, ambiental e social em empresas do agronegócio;

ü identificar as tendências de mercados das atividades agropecuárias e agroindustriais;

ü identificar os ciclos de produção dos principais cultivos da região, pontos fortes e pontos fracos das cadeias produtivas;

ü pesquisar e aplicar novas tecnologias sustentáveis para as empresas do agronegócio;

ü conhecer as melhores formas de negociação por produtos do agronegócio, utilizando conhecimentos que agreguem valor a esses produtos.

O egresso do Curso Superior de Tecnologia em Agronegócio da Unipampa deve estar apto a atuar, nos

setores públicos e privados nas seguintes áreas:

ü bancos rurais;

ü cooperativas;

ü sindicatos rurais;

ü propriedades rurais;

ü agroindústrias;

ü atacadistas e hipermercados;

ü fornecedores de suprimentos ao agronegócio;

ü prestação de serviços em consultoria e perícias;

ü empresas de negócios virtuais e bolsas de valores;

ü empresas de pesquisa e ou extensão;

ü empresas de gestão da informação;

ü tradings de comércio doméstico e internacional;

ü empresas de logística e distribuição;

ü assessoria para mídia;

ü certificadoras.