EVENTO EXPERIMENTAÇÕES DO PATRIMÔNIO: DIVERSIDADES E RESISTÊNCIAS

Por Hilda Jaqueline Fraga

*Inscrições Gratuitas para o Evento: Experimentações do patrimônio: diversidades e resistências.

Estão abertas as inscrições para o “Evento:Experimentações do patrimônio: diversidades e resistências”, coordenado pela Profa. Dra. Hilda Jaqueline de Fraga. O evento realizado em parceria com o Centro Histórico Cultural da Santa Casa de Porto Alegre é gratuito e contará com o lançamento do terceiro volume da Série Experimentações e programação de 5 sessões de lives com autores/ras convidados/as do Brasil, Argentina, Colômbia e Portugal, durante os meses de março, abril e maio, às 4ªs feiras, das 15h30 às 17h30. O mesmo  é aberto à participação de toda a comunidade acadêmica (docentes, técnicos, discentes e demais interessados).

Para se inscrever basta acessar o link abaixo com a programação e área de inscrição. Será ofertado certificado para os participantes.

Inscrições:https://www.chcsantacasa.org.br/evento-online-experimentacoes-do-patrimonio-diversidades-e-resistencias/

 

Debate Produção Cultural na Terapia Ocupacional

Por Carla Daniela Rabelo Rodrigues

A Cultura é um campo inter, multi e transdisciplinar que aciona conhecimentos, saberes e diálogos dos mais diversos e profundos. Num contexto no qual a saúde mental coletiva está abalada e constantemente desafiada, a Cultura e os campos terapêuticos ajudam e/ou promovem a recuperação e reparação de nossa subjetividade, de nossa humanidade. Por isso, promovemos um encontro importante entre a Produção Cultural e a Terapia Ocupacional, para discutirmos a potência das interfaces profissionais dessas duas áreas poderosas principalmente no contexto tenebroso que estamos no Brasil. O debate Produção Cultural na Terapia Ocupacional contará com a presença de três mulheres terapeutas ocupacionais: Helen Freitas (Mestra em Saúde Coletiva/Pública pela UNESP e T.O. CAPS), Isadora Cardinalli (Doutoranda em T.O./UFSCar) e Paula Cardoso (Professora de T.O./UFTM), e acontecerá no dia 24 de março de 2021, das 14h às 16h, via Google Meet. Inscrições até o dia 23/03, às 12h, via link: https://forms.gle/Va2oQSmkJiJQ1zGs9

Currículos das Palestrantes:

>> Helen Isabel de Freitas: Terapeuta Ocupacional formada pela UFSCar em 2001 e desde lá construiu percurso na área da saúde mental em todos os ciclos de vida. Fez aprimoramento Profissional em Reabilitação Psicossocial – FMB/UNESP (2003) e Mestrado em Saúde Coletiva/Saúde Pública – FMB/UNESP (2006). É especialista em Ativação de Processos de Mudança na Formação Superior de Profissionais de Saúde – FIOCRUZ (2006). Compõe o Coletivo de Estudos “T.O. como Produção de Vida” sob orientação de Mariângela Quarentei. Trabalha com formação em cursos de graduação, pós-graduação e cursos livres, além de atendimentos e supervisões. Também atua como TO no CAPSij Freguesia do Ó/Brasilândia, integra a diretoria da Associação dos Terapeutas Ocupacionais do Estado de São Paulo e é preceptora do programa PET Saúde Interprofissionalidade/PUC-SP.

>> Isadora Cardinalli: Terapeuta ocupacional pela UFSCar, especializada em Terapia Ocupacional, Artes, Saúde e Cultura, pela FMUSP, mestra e doutoranda em Terapia Ocupacional pela UFSCar. É membro do Laboratório/Grupo de Pesquisa Atividades Humanas e Terapia Ocupacional (AHTO) e do Grupo de Pesquisa Terapia Ocupacional e Cultura. Atua também como agente cultural e educadora em projetos junto a universidades e comunidades de São Carlos e de São Paulo, trabalhando principalmente com os temas: atividades humanas, produção de vida, arte, cultura e contextos sociais.

>> Paula Tatiana Cardoso: Professora Adjunta do Departamento de Terapia Ocupacional da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Graduada, mestra e doutoranda na Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Desenvolve atividades de ensino, pesquisa e extensão nas linhas: Cultura, Territórios e Terapia Ocupacional; Perspectivas críticas e decoloniais em Terapia Ocupacional. Faz parte da equipe proponente e gestora do programa “Museu da Memória Viva”, aprovado pelo Edital Mais Cultura nas Universidades (Minc_MS/2016_2018). Compõe as coordenações do Coletivo e Programa de Extensão “ProCult Diversidade e Cidadania” (UFTM) e do grupo de pesquisa “AHTO – Atividades Humanas e Terapia Ocupacional” (UFSCar).  

Informações: ppcult.unipampa@gmail.com

Divulgação: instagram.com/carlarabelo.rod

Inscrições: https://twitter.com/carlarabelo/status/1367550361465151488

Debate sobre Produção para Cinema e Audiovisual

Por Carla Daniela Rabelo Rodrigues

O projeto de ensino Ciclo de Palestras sobre Produção Cultural propõe novo debate com mulheres profissionais e pesquisadoras da área de Produção. Dessa vez, as convidadas são duas produtoras de cinema e audiovisual: a Profa. Dra. Aleteia Selonk (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul) e a Profa. Dra. Samantha Capdeville (Universidade Federal do Ceará), com mediação da Profa. Dra. Carla Rabelo (Universidade Federal do Pampa). O debate “Produção para Cinema e Audiovisual” tem objetivo de compartilhar as experiências e projetos desenvolvidos pelas pesquisadoras, além de discutir as tensões e possíveis caminhos para o campo da produção audiovisual no contexto atual.  

O evento acadêmico acontecerá no dia 10/03/2021, quarta-feira, das 14h às 16h. Haverá atestado de participação e as inscrições podem ser feitas até 09/03, 12h, pelo link: https://forms.gle/zGE8qzgFhYyUFGQW9

Currículos das palestrantes:

>>> Profa. Dra. Aleteia Selonk: Jornalista formada pela Universidade Estadual de Londrina e pós-graduada em Produção Cinematográfica (PUCRS). Doutora em Comunicação Social (PUCRS), com estágio de doutorado (Capes) na Université Paris Descartes (Sorbonne – Paris V). Tem suas pesquisas focadas na produção, distribuição audiovisual e ecossistemas criativos. Coordenou a implantação do centro de produção audiovisual da PUCRS, o Tecna. Fundou a Okna Produções onde atua como produtora. Tem em seu currículo longas como Mulher do Pai (direção: Cristiane Oliveira) e As Aventuras do Avião Vermelho (direção: Frederico Pinto e José Maia). Atualmente é professora no curso de graduação em produção audiovisual da PUCRS, em Porto Alegre. Presidente do Forcine – Fórum Brasileiro de Ensino de Cinema e Audiovisual (biênio 2021/22).

>>> Profa. Dra. Samantha Capdeville: Professora do Curso de Cinema e Audiovisual do Instituto de Cultura e Artes da Universidade Federal do Ceará (UFC). Leciona disciplinas das áreas de Produção, Projetos, Legislação e Economia do Audiovisual. Graduada em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais e Doutora em Comunicação (Novas Mídias Audiovisuais, com tese intitulada: Dinâmicas Psicológicas na Fruição das Novas Mídias) pela Università Cattolica del Sacro Cuore – Milão. Participou de importantes projetos nacionais e internacionais na Produção e na Produção Executiva em Cinema e Séries para TV como O Palhaço (Selton Mello), HU, de Pedro Urano; Meu Pé de Laranja Lima, de Marcos Bernstein; Pequeno Segredo, de David Schurmann, indicados para representar o Brasil no Oscar em 2017, e Canastra Suja, de Caio Soh (2015), vencedor de diversos prêmios no Los Angeles Brazilian Film Festival, entre outros. Dentre as produções internacionais destacam-se o longa RIO, EU TE AMO e a maior co-produção internacional para TV realizada no Brasil, intitulada Vermelho Brasil, ambos pela Conspiração Filmes. Em 2008, foi responsável no Festival de Berlim pelo Pitching do premiado A Festa da Menina Morta, de Matheus Nachtergaele. Em 2014, lançou seu primeiro longa como produtora, intitulado Campo de Jogo, dirigido por Eryk Rocha. Em 2019 lançou a série documental Babel/SP, composta por 7 episódios de 1 hora cada, produzida em 2017 para a HBO Latin América e produziu o longa de ficção Subterrânea, dirigido por Pedro Urano, estreado na Mostra de Tiradentes.

>>> Equipe dos projetos: Profa Dra Carla Rabelo (docente), Paola Soccas (discente), Pablo Sousa (discente), Lukhas Karibe (discente), Athemis da Fonseca (discente) e Caroline Oliveira (discente), do bacharelado em Produção e Política Cultural – UNIPAMPA – campus Jaguarão/RS.

Informações: ppcult.unipampa@gmail.com

Youtube: Projetos PPCult Unipampa.

Divulgação: https://www.instagram.com/p/CLm2hBUnOst/

Políticas Culturais nas Universidades Públicas: UFCA e UFG

Por Carla Daniela Rabelo Rodrigues

Com objetivo de discutir o campo da cultura nas instituições públicas de ensino superior, o projeto de extensão Conversas sobre Políticas Culturais, desenvolvido junto à Universidade Federal do Pampa pela Profa Dra Carla Rabelo do bacharelado em Produção e Política Cultural, promoverá no dia 01/04/2021, quinta-feira, das 10h às 12h, o debate online sobre Políticas Culturais nas Universidades Públicas: UFCA e UFG. Os palestrantes serão o Prof. Dr. Robson Almeida – Pró-reitor de Cultura da Universidade Federal do Cariri, Gustavo Ramos Ferreira – Coordenador de Política e Diversidade Cultural e Pró-reitor Adjunto da Universidade Federal do Cariri, e a Profa. Dra. Flavia Cruvinel, Pró-reitora Adjunta de Extensão e Cultura da Universidade Federal de Goiás. As inscrições podem ser feitas até 31/03, 12h: https://forms.gle/nmFjFw9PbuxSX7A66

 

Currículos dos palestrantes:

>>> Prof. Dr. Robson Almeida: arranjador, compositor, saxofonista e docente do Curso de Música da Universidade Federal do Cariri – UFCA. Doutor (2014) e Mestre (2010) em Educação Brasileira pela Universidade Federal do Ceará – UFC. Licenciatura em Música pela Universidade Estadual do Ceará – UECE (2005). Atuou como regente de big bands e bandas de música. Em 2003 ganhou o prêmio Alberto Nepomuceno de Regência de Banda e em 2007 o mesmo Prêmio na área de Composição para banda de música. Atualmente é líder do Grupo de Pesquisa NEMus – Núcleo de Estudos em Educação Musical, integrante e diretor artístico do grupo musical Kariri Sax, Pró-reitor de Cultura da UFCA desde 2016. Desenvolve pesquisas sobre Aprendizagem Musical Compartilhada, metodologia de ensino de instrumentos musicais e políticas culturais para as universidades.

>>> Gustavo Ramos Ferreira: sociólogo, pesquisador do Observatório Cariri de Políticas e Práticas Culturais, atualmente é Coordenador de Política e Diversidade Cultural e Pró-reitor Adjunto da Universidade Federal do Cariri.

>>> Profa. Dra. Flavia Maria Cruvinel: doutora em Educação pela Faculdade de Educação da UFG, mestra em Música e Especialista em Música Brasileira no Século XX ambas pela Escola de Música e Artes Cênicas da UFG. Desenvolve pesquisas na área de Educação Musical e publicou os livros “Educação Musical e Transformação Social” (2005) e “Música e Poder: o habitus cortesão bragantino nos trópicos” (no prelo). Além de sua atividade como Professora e Pesquisadora, também atua como gestora e produtora cultural, com destaque aos seguintes eventos como criadora e realizadora: Projeto Música no Câmpus, Goiânia Ópera Festival, Série Música Consciente, Série Músicas, Série Todas as Artes, SBPC Cultural/2011, Brazilian Kaleidoscope (ISME-Grécia 2012), Concerto de Encerramento do Congresso da ISME – International Society of Music Education (Porto Alegre, 2014). Desde 2015, é membro ativo da Comissão Artística e Permanente de Produção Cultural e Artística da Associação de Universidades do Grupo de Montevidéu, desde 2019 coordena a Rede de Cultura das Instituições Públicas de Ensino Superior de Goiás e é coordenadora da área temática Cultura do Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Instituições Públicas de Educação Superior Brasileiras (2019-2020). Em 2020 foi eleita para a diretoria da International Society for Music Education, sendo a única representante da América Latina. Atualmente, é  Pró-Reitora Adjunta de Extensão e Cultura/Diretora de Cultura da UFG (Gestão 2018-2021) e Professora Adjunta da Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás.

Informações sobre os projetos: ppcult.unipampa@gmail.com

Instagram: @carlarabelo.rod / Twitter: @carlarabelo

Projeto de Investigação – “Patrimonio Cultural Inmaterial e Inclusión Social: Aportes para la agenda de desarrollo post-COVID 19”.

 

Docente do Curso de PPC, Profa. Dra. Hilda Jaqueline de Fraga, integra a rede de investigadores da Latino América e Caribe, como membro do Grupo de trabalho responsável pela investigação voltada para o delineamento de políticas internacionais para o patrimônio cultural inmaterial (PCI), pós- Covid 19 e como especialista na Linha de Pesquisa “Igualdade de Gênero e patrimônio”. O projeto que terá a duração de 1 ano, conta com o apoio e financiamento da UNESCO e a coordenação geral da RECA PCI LAC em colaboração da CRESPIAL, Secretaria Geral Ibero-americana – SEGIB e UNESCO Montevidéu. O mesmo objetiva divulgar pesquisas acadêmicas envolvendo experiências comunitárias no campo do pci e contribuir para a elaboração de documento final com indicadores e recomendações para o desenvolvimento de políticas patrimoniais para o pós-covid 19. O mesmo lançará também a publicação de livro com estudos de casos significativos levados a cabo por comunidades detentoras, no Brasil, México, Costa Rica, Colômbia, Argentina, Uruguai, República Dominicana e Chile.

 

 

 

Docente-pesquisadora participa de Evento Internacional de Cooperação Acadêmica.

Profa. Dra. Hilda Jaqueline de Fraga foi uma das painelistas do Webnário: “Intangible Cultural Heritage and Higher Education Institutions organizado pela Unesco e escritórios da Regional de Ciências para a América Latina e Caribe do Uruguai e do México. A docente –pesquisadora integrou o grupo formado por investigadores da América Latina, representando o Brasil e a Universidade Federal do Pampa, no painel "El Patrimonio Cultural Inmaterial y las instituciones de educación superior: aportes para la agenda de desarrollo post-COVID19”. Também estiveram presentes representantes de Guiné Bissau e do Japão. O Evento discutiu sobre o papel das IES como centros de produção de pesquisa e o fomento de projetos alternativos no âmbito da gestão e da salvaguarda das expressões e manifestações culturais imateriais, atualmente
impactadas pelo contexto de pandemia.

Boas vindas da nova Coordenação e outros assuntos

Bom dia caros/caras discentes e demais pessoas da comunidade acadêmica da Unipampa.

Como novo coordenador do curso, venho aqui desejar um semestre de crescimento conjunto que, a despeito das circunstâncias difíceis em que nos encontramos, torço e me empenharei para que seja de novos aprendizados em todas as dimensões: intelectual, afetiva e profissional.

Breves considerações sobre os ajustes de matrícula: o prazo para envio que se encerrou no dia 03/02/2021 era somente para o envio do formulário. Agora há um período de tramitação interna que pode levar até uma semana para ser consolidado, assim, as mudanças nos sistemas ainda não estarão visíveis imediatamente. Neste sentido, solicito que tenham paciência e fiquem seguros de que eventuais inconsistências serão resolvidas em momento futuro oportuno.

Hoje acontece a formatura do campus e temos 3 discentes que farão parte deste momento importante e único na trajetória acadêmica! Parabéns ao Tiago, a Karina e a Emily, o/as mais novo/novas produtor/produtoras cultural/culturais! É possível acompanhar a cerimônia, às 17h de hoje, por meio deste link: https://www.youtube.com/watch?v=Q1fJAJCYaEs

Em breve divulgarei neste espaço um horário de atendimento individual, com frequência semanal e mediante prévio agendamento através do endereço eletrônico ppc.jaguarao@unipampa.edu.br (este e-mail deve ser priorizado para a comunicação com a coordenação e a secretaria de curso)

Por fim, em busca da melhoria continua na comunicação, peço que nos auxiliem na circulação das informações através das redes sociais e contatos pessoais.

Saudações cordiais,

Gabriel Chati

Ajuste de matrículas

A Coordenação do curso de Produção e Política Cultural informa as datas e horários para que os alunos possam sanar suas dúvidas em relação ao ajuste de matrícula referentes ao semestre 2020/2.

A professora Sátira estará disponível nos seguintes dias:

Quando: 27, 28 e 29 de janeiro de 2021.
Horário: das 11h às 12h.
Onde: pelo link meet.google.com/iku-nyku-oas