Projetos: Ensino, Pesquisa e Extensão


Título:  “Variação linguística: descrição, ensino e formação de professores”.

Natureza: Pesquisa

Professora: Taíse Simioni (taise.simioni@unipampa.edu.br)

Resumo: O presente projeto de pesquisa tem por objetivo discutir a variação linguística, promovendo a realização de estudos descritivos e a observação de suas relações com o ensino e com a consequente formação inicial e continuada de professores de línguas. Os pressupostos teóricos que norteiam essa pesquisa concentram-se na sociolinguística quantitativa (LABOV, 2008 [1972]). Os dados coletados permitirão que se realizem pesquisas que descrevam as variedades linguísticas encontradas na região abrangida pela pesquisa (cidade de Bagé e arredores) e discutam o papel da variação linguística no contexto do ensino e da formação de professores. A divulgação de tais pesquisas permitirá que se amplie a discussão sobre a variação linguística, de maneira que se desfaçam mitos e se construa o respeito às diferentes variedades linguísticas.


Título: Projeto Leitura e Discussão de Grandes Obras Literárias I

Encontros: Um sábado por mês, das 9hs às 12hs, na sala 4205.

Professora: Lúcia Britto lucia.correa@unipampa.com

Resumo: Propõe a leitura de grandes obras literárias, obras clássicas que formaram o imaginário ocidental, a sua análise, a exibição de adaptações cinematográficas e o debate da importância das obras escolhidas para os leitores brasileiros e para os alunos dos nossos egressos, em especial agora em 2019, quando vemos ataques à Educação, com redução de verbas públicas e aumento do desprestígio da atividade do professor, inclusive com atrasos nos pagamentos de salários de professores municipais e estaduais. O objetivo principal deste projeto de extensão é auxiliar os nossos alunos egressos em suas salas de aula, no sistema público ou privado, bem como apresentar ou aprofundar o estudo da Literatura com os nossos atuais alunos e com membros da comunidade. O projeto também é aberto à participação eventual em um ou mais encontros, de acordo com o interesse do leitor. Essa forma permite uma relação mais informal da Universidade com a Comunidade. O projeto também se dispõe a instrumentalizar os professores em geral, alunos egressos e alunos da graduação e da pós-graduação e demais interessados a aprofundar o estudo de textos literários importantes na nossa formação e dificilmente lidos em cursos regulares de Letras, em razão da complexidade destas leituras.

Serão realizados encontros mensais, sistemáticos, aos sábados pela manhã, quando será oportunizada a contextualização histórica, social e cultural das obras literárias escolhidas.

SEGUNDO SEMESTRE DE 2019

5. dia 24 de agosto -“Paraíso Perdido”  - Milton – 1667

6.  dia 14 de setembro – “Grande sertão: Veredas” – Guimarães Rosa

7. dia 19 de outubro –  ”O Estrangeiro” – Albert Camus

8. dia 09 de novembro – “Confissões” de Santo Agostinho – século IV + “A vida é sonho” – Calderon de La Barca- teatro – 1635

9.  dia 07 de dezembro – filme: “Tartarugas podem voar” Kûsî Jî Dikarin Bifirin é um filme de drama iraniano de 2004 dirigido e escrito por Bahman Ghobadi. Foi selecionado como representante do Irã à edição do Oscar 2005.

Certificado para quem ler e participar de 80% dos encontros: 50 horas de extensão/cultura. Para participação em um encontro: 5 horas de extensão/cultural.


Título: Núcleo de Formação do Leitor Literário – NULI

Natureza: Extensão

Professores envolvidos: Zíla Letícia Goulart Pereira Rêgo (Coord.), Lúcia Maria Britto Corrêa, Miriam Denise Kelm e Vera Lúcia Cardoso Medeiros.

Contato: zila.rego@unipampa.edu.br

Resumo: O Núcleo de Formação do Leitor Literário (NULI) é um espaço de estudo, desenvolvimento e aplicação de metodologias de trabalho com o texto literário. Atua em duas frentes de trabalho: estudos teóricos acerca das peculiaridades da leitura literária e de seus desdobramentos nas especificidades de obras e leitores, e desenvolvimento de metodologias de abordagem do texto literário através da aplicação de projetos que resultem na formação de novos leitores. As ações do NULI ocorrem em escolas (junto às bibliotecas), centros comunitários e abrigos de menores através de oficinas, encontros de leitura e organização do acervo bibliográfico. Está envolvida no projeto uma equipe permanente formada pela professora coordenadora, pelas professoras colaboradoras e por um grupo de discentes voluntários.


Título: Confraria Poética

Roda de Leitura, as  reuniões acontecem às terças-feiras, na sala 4103, entre 17h30mim. e 18h45min

Participantes receberão certificado de participação em Atividade Cultural ( 02 horas por encontro).

Professora: Vera Medeiros ( veracmedeiros@gmail.com)


Núcleo de Formação ao Leitor Literário

O Núcleo de Formação do Leitor Literário (NULI) é um espaço promotor de ações de formação de leitores que desenvolve projetos e ações de mediação de leitura através de metodologias de abordagem ao texto literário desenvolvidas no âmbito do Curso de Letras – Português e Literaturas de Língua Portuguesa e do Mestrado Profissional em Ensino de Línguas. Nesse sentido, prevemos a atuação do NULI em âmbito externo e interno, com oferta de ações de mediação de leitura na biblioteca do NULI e de oficinas de leitura e contação de histórias em ambientes externos: escolas, bibliotecas, espaços formais e não-formais de educação e internos: áreas do campus Bagé e a biblioteca do NULI . Está envolvida no projeto uma equipe permanente formada pela professora coordenadora, pelas professoras colaboradoras e por um grupo de discentes voluntários. O projeto tem por objetivo promover ações de extensão voltadas à formação de leitores valendo-se da biblioteca do Núcleo de Formação do Leitor Literário(NULI), cujo acervo de literatura infantil e juvenil e de literatura em geral conta hoje com mais de 2.000 títulos.

Projeto de Pesquisa :

Literatura infantil e juvenil e ensino: do acervo ao método- etapa II

A presente pesquisa investiga as circunstâncias que envolvem a presença da literatura para crianças e jovens na educação básica, atentando para o acervo literário disponível ( gêneros, autores, suportes, tipo de acesso) e para as metodologias empregadas quando do seu ensino (motivações , objetivos, procedimentos, resultados), valendo-se de dados oriundos de pesquisa bibliográfica, de projetos de ensino e extensão desenvolvidos no âmbito do Curso de Letras/Português e Literaturas de Língua Portuguesa do campus Bagé/UNIPAMPA e de investigações em instituições de ensino. Os pressupostos que sustentam a pesquisa envolvem campos da teoria e da crítica literária , em especial a Sociologia da Leitura e a Estética da Recepção, e outras áreas do conhecimento fundamentais para analisar a circulação da Literatura Infantil e Juvenil e as abordagens feitas ao gênero, como Educação , História, Sociologia e Psicologia.

Professora: Zila Letícia Rêgo


Projeto: Inovação pedagógica na formação de profissionais do magistério/da educação

Este projeto de pesquisa em desenvolvimento, a partir do final de 2016, tem como investigar a implementação de elementos de inovação pedagógica, na perspectiva emancipatória, em instituições de ensino da abrangência da UNIPAMPA, nos campi Bagé e Uruguaiana. Inovação aqui é percebida em um sentido emancipatório ou edificante, com embasamento conceitual-teórico em Veiga, Anastasiou e Alves, Singer, entre outros. Complementado pelo texto da política compõem um conjunto de possibilidades elaboradas com diferentes intencionalidades para implementação da inovação pedagógica nas instituições de ensino: a LDBEN, o PNE e as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Básica e a Educação Superior, que propõem práticas pedagógicas inovadoras que possibilitem a qualificação da educação, o pensamento crítico, a resolução de problemas, o trabalho coletivo, contextualizado e interdisciplinar, a criatividade, a liderança e a autonomia; assim como no incentivo à inovação e à pesquisa científica e tecnológica, estabelecido ela lei Nº 13.243/2016. O referencial teórico-metodológico perpassa a possibilidade de criação de espaços para explicitação, discussão e proposições de elementos de inovação pedagógica, com base em Guedes Pinto (apud DUQUE-ARRAZOLA; THIOLLENT, 2014), com escolha da pesquisa-ação não apenas para descrever ou analisar a situação investigada, mas para contribuir na formulação crítica de teorias e invenção de novas técnicas de pesquisa e instrumentos de análise necessários para definir ações que estejam na linha da transformação/inovação pedagógica. Com base nos movimentos da metodologia dialética e nos diferentes contextos para análise de políticas públicas, elaboraremos e divulgarmos instrumentos de acompanhamento avaliação de implementação de políticas de inovação pedagógica na formação acadêmico-profissional. Os resultados da pesquisa podem ser percebidas pelas ações desenvolvidas nos últimos dois anos, em que atingimos os objetivos específicos: a organização e consolidação do Grupo de Pesquisa em Inovação Pedagógica na Formação Acadêmico-profissional de Profissionais da Educação, a identificação da presença de elementos de inovação pedagógica em Projetos Político-pedagógicos de sete escolas de Educação Básica, bem como a elaboração de dois instrumentos de acompanhamento da implementação de políticas de inovação pedagógica de formação acadêmico-profissional nas escolas pesquisadas. Com relação à divulgação, as análises e ações, realizadas até o momento, foram socializadas em 04 eventos científicos. Na continuidade do projeto, pretende-se avançar na análise dos elementos de inovação pedagógica em projeto político-pedagógicos em cursos de licenciaturas dos campi Bagé e Uruguaiana; no planejamento de outros processos formativos de avaliação de políticas de inovação pedagógica nas instituições de ensino, bem como elaborar e divulgar instrumentos de acompanhamento e avaliação de implementação de políticas de inovação pedagógica na formação acadêmico-profissional.