Laboratórios

GIDANE (Grupo Interdisciplinar de Desenvolvimento Ambiental)

Professor responsável (ou professores): André Carlos Cruz Copetti

Área(s) de pesquisa / linhas de pesquisa: Recursos Hídricos/ Sistemas Agroflorestais; hidrologia

Descrição sucinta das atividades: Muitas atividades que podem ser desenvolvidas em projetos universitários, são anseios da comunidade. Nesse sentido o objetivo desse projeto é reunir um grupo interdisciplinar para desenvolver atividades de ensino, pesquisa e extensão, que contemplem demandas básicas de secretarias e órgãos públicos para atendimento à população, bem como colocar em práticas ideias de diferentes áreas para oportunizar a participação de estudantes dos diferentes cursos do Campus São Gabriel. Portanto serão desenvolvidos experimentos na área agrícola e ambiental dentro do campus como: controle alternativo de pragas e doenças e hortas e pomares; tecnologias hidráulicas; composteiras, trilhas ecológicas; produção de mudas; etc. Todos com programação para receber visitas da comunidade, principalmente alunos de séries iniciais. Paralelamente ao que será feito no Campus, pretende-se contemplar escolas com plantios de árvores, auxílio em manejo de hortas, jardins e pomares, bem como desenvolver projetos demandados pelas secretarias municipais como: recuperação de áreas degradadas, curtinamento de espaços, estabilização de taludes e desenvolvimento de tecnologias para automação de irrigação de hortas.


Laboratório de Taxonomia de Angiospermas

Professor responsável (ou professores): Angelo Alberto Schneider

Área(s) de pesquisa : Vegetação do Bioma Pampa

Linha(s) de pesquisa : Recuperação de vegetação e áreas campestres;  PANCs,  Plantas ruderais e taxonomia de Angiospermas.

Descrição sucinta das atividades: O laboratório de Taxonomia de Angiospermas realiza diversas atividades de pesquisa, ensino e extensão na área de botânica, educação ambiental, produção de mudas nativas, levantamentos florísticos, permacultura, conservação e identificação de espécies vegetais nativas. Também coordena a criação do Jardim Botânico da Unipampa e a Trilha ecológica do Campus.

#labtaxangios


NEVA/Núcleo de Estudos da Vegetação Antártica

Professor(es) responsável (eis): Filipe de Carvalho Victoria, Antonio Batista Pereira, Adriano Luis Schunemann, Frederico Costa Beber Vieira, Jair Putzke

Área(s) de pesquisa: Biologia E Evolução Molecular, Micologia, Biotecnologia Vegetal, Solos, Geoprocessamento.

Linha(s) de pesquisa: Vide diretório grupos de pesquisa dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/8265413942199601

https://sites.unipampa.edu.br/neva/


Laboratório de Solos e Ecologia Florestal

Professor(es) responsável (eis): Frederico Costa Beber Viera/ Mirla Andrade Weber

Área(s) de pesquisa: Manejo e conservação do solo; indicadores químicos, físicos e biológicos de qualidade do solo; Emissão de Gases


LANETOX/GP Neurobiologia e Toxinologia de Compostos Naturais

Professor(es) responsável (eis): Chariston A. DalBelo e Lucia H. C. Vinadé

Área(s) de pesquisa: Ciências BiológicasLinha(s) de pesquisa: Qualidade Ambiental – Neurobiologia e Toxinologia

Descrição sucinta das atividades: Os projetos desenvolvidos no Laboratório de Neurobiologia e Toxinologia (Lanetox) visam contribuir para a elucidação dos mecanismos de ação de substancias neurotoxicas de uso potencial como medicamentos, bem como de substâncias com características neuroprotetoras. O Lanetox tem interesse também na busca de compostos naturais originários do bioma pampa, como forma de desenvolver o conhecimento a cerca da flora e fauna regional. Além disso, o laboratório busca o desenvolvimento de protocolos úteis na elucidação de processos bioquímicos e fisiopatológicos relacionados ao sistema nervoso central e periférico. Desde 2008 o laboratório, através de seus coordenadores, professores Lucia Vinade e Chariston Dal Belo, mantém um grupo de pesquisa cadastrado no diretório CNPq: Neurobiologia e Toxinologia de Compostos Naturais (dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/9943081592916510). Os pesquisadores responsáveis pelo laboratório são integrantes do Programa de Pós-Graduação em Ciências Biológicas – PPGCB, recomendado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) desde 2010, tendo concluído várias orientações de mestrado e doutorado desde então.


Laboratório de Proteômica Aplicada

Professor(es) responsável (eis): Paulo Marcos Pinto

Área(s) de pesquisa: Biologia Molecular
Linha(s) de pesquisa:Genômica; Proteômica e Análises Químicas de Macromoléculas; Biologia Molecular e Celular de Microorganimos.

Descrição sucinta das atividades: O termo “proteoma” foi introduzido há alguns anos e descrito como todas as proteínas expressas em um genoma ou tecido. Existem diferenças entre a bioquímica de proteínas tradicional e a proteômica. Ambas envolvem identificação de proteínas, mas a proteômica é o estudo de sistemas de múltiplas proteínas. Com base nestas potencialidades, este projeto visa reunir dados proteômicos sobre diferentes organismos com o objetivo de aumentar o entendimento dos processos de controle da expressão gênica, bem como, identificar possíveis moléculas com importância biológica ou biotecnológica.


Laboratório Interdisciplinar de Pesquisas em Ciências Ambientais – LICA

Professor(es) responsável (eis): JEFFERSON MARÇAL DA ROCHA e RAFAEL CABRAL CRUZ

Área(s) de pesquisa: Ciências Ambientais, Recursos Hídricos, Ecologia da Paisagem, Economia dos Recursos Naturais, Educação e Sustentabilidade

Descrição sucinta das atividades: Atividades do projeto de Extensão EDUCON: Educação, Sustentabilidade e Consumismo. Projeto que é desenvolvido nas escolas públicas do município de São Gabriel e tem como objetivos, a partir de oficinas temáticas que abordem temas como: ética, sustentabilidade, economia, etc., proporcionar uma reflexão sobre o quadro social que vive-se hoje. Na intensão de contribuir para que a compreensão deste quadro estimule uma reflexão sobre as posturas éticas e morais de todo cidadão, proporcionando subsídios para motivá-los a continuarem seus estudos e à busca por conhecimentos baseados em contextos históricos e científicos.


Diversidade Genética Animal

Professor(es) responsável (eis):  Analía Garnero, Ricardo Gunski e Fabiano Torres

Área(s) de pesquisa: Genética Animal, Citogenética e Biologia Molecular

O grupo de pesquisa Diversidade Genética Animal visa caracterizar a diversidade genética e os mecanismos cromossômicos evolutivos em espécies de aves, através de técnicas de Citogenética e Biologia molecular. O grupo foi formado em 2009, certificado pela Universidade Federal do Pampa, Campus São Gabriel, cadastrado no diretório de grupos de pesquisa do CNPq e conta com uma equipe de pesquisadores multidisciplinar. A equipe participa de saídas de campo para amostragens no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil, em áreas do Bioma Pampa e Mata Atlântica. Atualmente, o grupo de pesquisa está desenvolvendo estudos sobre evolução cariotípica em espécies de aves por meio da pintura cromossômica comparativa com a aplicação de sondas cromossômicas de Gallus gallus e Leucopternis albicollis, além de sondas teloméricas, ribossomais e de microssatélites. O grupo também desenvolve estudos sobre a diversidade de elementos transponíveis no genoma das aves.


Taxonomia de Fungos

Prof. Jair Putzke

Área(s) de pesquisa: Micologia

Coleta e identificação de fungos em ambientes dos Biomas Pampa e Mata Atlântica e da Antártica.


Laboratório de Estudos em Biodiversidade Pampiana – Herpetologia

Professor responsável: Tiago Gomes dos Santos

Área(s) de pesquisa / linhas de pesquisa:
Ecologia de anfíbios e répteis. Descrição de padrões ecológicos para espécies e comunidades de anfíbios e répteis, com ênfase em ecossistemas campestres do sul do Brasil.
No Laboratório de Herpetologia, estudamos a história natural de anfíbios (adultos e girinos) e répteis squamata, bem como descrevemos os padrões espaciais e temporais das comunidades. Assim, é de nosso interesse investigar as interações ecológicas entre espécies e como estas respondem a gradientes naturais e artificiais. Realizamos ainda atividades de extensão sobre ofidismo e acidentes com outros grupos animais peçonhentos ou venenosos. Também é realizada descrição de padrões ecológicos para espécies e comunidades de anfíbios e répteis, com ênfase em ecossistemas campestres do sul do Brasil.

Laboratório de Paleobiologia

Professor responsável: Felipe L. Pinheiro

Área(s) de pesquisa / linhas de pesquisa: Paleontologia de vertebrados, vertebrados fósseis permotriássicos da Bacia do Paraná, extinções em massa.
Atividades de campo do laboratório se dedicam à prospecção de vertebrados fósseis permotriássicos, principalmente nas formações Rio do Rasto e Sanga do Cabral (Rio Grande do Sul). As atividades laboratóriais consistem na preparação mecânica e química dos fósseis, bem como utilização de tecnologias modernas no estudo dos espécimes recuperados. A equipe do laboratório também se dedica à popularização da Paleontologia no município de São Gabriel, com frequentes atividades de extensão e divulgação científica.

Laboratório de Estudos em Biodiversidade Pampiana –

  Macroinvertebrados Aquáticos

 

Professor responsável: Márcia Regina Spies

Área(s) de pesquisa / linhas de pesquisa: Ecologia de Macroinvertebrados Aquáticos de riachos.
O laboratório se dedica a estudar a ecologia dos macroinvertebtados aquáticos em riachos do Pampa, especialmente dos insetos aquáticos, e a difundir o conhecimento e interesse por estes animais fantásticos. As atividades de pesquisa consistem em amostragem em campo, onde são coletadas amostras de substrato de fundo de riachos, que são trazidas ao laboratório, onde são triadas (separação do substrato e animais) e posteriormente os macroinvertebrados são identificados com o auxílio de chaves de identificação. A etapa de triagem e identificação é realizada sob lupa (estereomicrospio) e é a que demanda mais tempo. Os dados obtidos são analisados para elucidação dos padrões de diversidade e estrutura das comunidades de macroinvertebrados aquáticos. A equipe do laboratório também se dedica a projetos de extensão que buscam difundir o conhecimento sobre insetos, bem com sobre invertebrados peçonhentos, tais como aranha e escorpiões.