Histórico do curso

HISTÓRICO DO CURSO

A Resolução nº 2 do Ministério da Educação (2012) que estabelece as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Ambiental em seu artigo 7º reafirma que a Educação Ambiental é componente integrante, essencial e permanente da Educação Nacional, devendo estar presente, de forma articulada, nos níveis e modalidades da Educação Básica e da Educação Superior, para isso devendo as instituições de ensino promovê-la integradamente nos seus projetos institucionais e pedagógicos (BRASIL, 2012).  Já o Art. 19 da mesma resolução diz que os órgãos normativos e executivos dos sistemas de ensino devem: […] articular-se entre si e com as universidades e demais instituições formadoras de profissionais da educação, para que os cursos e programas de formação inicial e continuada de professores, gestores, coordenadores, especialistas e outros profissionais que atuam na Educação Básica e na Superior capacitem para o desenvolvimento didático-pedagógico da dimensão da Educação Ambiental na sua atuação escolar e acadêmica (BRASIL, 2012).

O marco legal já seria justificativa suficiente para considerarmos uma especialização em Educação Ambiental em nossa Universidade, mas não menos importante torna-se o marco ético/estético, ou seja, partimos da suposição que uma sociedade sustentável não cabe no modelo de desenvolvimento econômico proposto pela ordem mundial do mercado da produção, do consumo e do espetáculo. Como entender como belo ou justo um planeta que produz alimento suficiente para alimentar 18 bilhões de pessoas, alimente somente, deixando 1,5 bilhões com carências nutricionais extremas. Não se trata de tecnologias de produção (transgenia e envenenamento do solo) e sim tecnologias de distribuição, de cooperação e financiamento e construção de modelos alternativos de produção.

A UNIPAMPA tem por finalidade precípua a educação superior e a produção de conhecimento filosófico, científico, artístico e tecnológico, integradas na indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, visando à formação acadêmica e profissional, inicial e continuada, nos diferentes campos do saber, contribuindo para o desenvolvimento social, cultural, científico, tecnológico e econômico de sua área de abrangência, bem como do estado e do país.

Através da integração entre ensino, pesquisa e extensão, a UNIPAMPA assume a missão de promover a educação superior de qualidade, com vistas à formação de sujeitos comprometidos e capacitados a atuarem em prol do desenvolvimento regional, nacional e internacional, tendo dentre seus inúmeros objetivos aperfeiçoar o Ensino de Pós-Graduação, Aperfeiçoar a Extensão Universitária e Promover a Sustentabilidade Ambiental.

Em consonância com esses pressupostos e considerando o contexto regional em que está inserida a universidade, percebemos a necessidade de formação permanente dos profissionais das mais diversas áreas do conhecimento e, nesse sentido, propomos o desenvolvimento do Curso de Especialização em Educação Ambiental, oferecendo a comunidade de Uruguaiana e região uma oportunidade de atualização acadêmica e formação continuada a profissionais que procuram o comprometimento com a transformação temática posta pela contemporaneidade, estimulando a reflexão crítica e propositiva da inserção da Educação Ambiental na formulação, execução e avaliação dos projetos institucionais e pedagógicos das instituições de ensino, para que a concepção de Educação Ambiental como integrante do currículo supere a mera distribuição do tema pelos demais componentes.

Assim, justifica-se a presente proposta de realização do Curso de Especialização em Educação Ambiental tendo em vista o consenso entre formadores da importância e necessidade da formação permanente que busque uma Educação Ambiental dotada de uma abordagem que considere a interface entre a natureza, a sociocultural, a produção, o trabalho, o consumo, superando a visão despolitizada, acrítica, ingênua e naturalista ainda muito presente na prática pedagógica das instituições de ensino e pelo fato de que a região em que a UNIPAMPA se insere carece de ações de formação permanente, fato que temos vivenciado em nossos projetos de extensão nos quais a procura tem superado a oferta.

OBJETIVO GERAL:

O objetivo geral do Curso é oportunizar um espaço interdisciplinar, contextualizado e pedagógico de formação continuada oferecendo subsídios técnico-pedagógicos a profissionais das mais diversas áreas de conhecimento para atuar como multiplicadores ambientais em seus respectivos campos de atuação.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS: 

  • Desenvolver a compreensão integrada do meio ambiente em suas múltiplas e complexas relações para fomentar novas práticas sociais e de produção e consumo;
  • Refletir sobre os fundamentos teórico-metodológicos da educação ambiental;
  • Proporcionar aperfeiçoamento, atualização e treinamento de profissionais em educação ambiental;
  • Fornecer novas metodologias técnico-pedagógicas, para serem aplicadas no ensino formal e informal visando o desenvolvimento local, regional e nacional;
  • Contribuir para a construção de propostas pedagógicas para o ensino fundamental, médio e/ou superior em educação ambiental;
  • Promover a formação continuada dos professores de licenciatura na área ambiental buscando capacitá-los para as modificações socioambientais que se transfiguram na sociedade sem que a mesma perca sua identidade enquanto educador;

Estimular ações voltadas à Educação Ambiental, através da Alfabetização Científica, dá Aprendizagem Significativa e da Sustentabilidade, objetivando a melhoria da qualidade de vida das populações.