02. Curso de Fisioterapia

     O Curso de Fisioterapia da Universidade Federal do Pampa – UNIPAMPA, ofertado no Campus Uruguaiana, iniciou suas atividades no segundo semestre de 2006, com o ingresso de 50 alunos na sua primeira turma, e posteriormente, ocorreu o ingresso sistemático de uma nova turma a cada ano. A partir do ano de 2009, após reforma curricular do Curso para adequação à nova legislação, que determina a carga horária mínima do Curso de 4.000 horas com tempo mínimo de formação de 5 (cinco) anos, houve ingresso de 50 alunos, divididos em duas turmas de 25 alunos.

     O Projeto Pedagógico do Curso de Fisioterapia foi construído segundo a LDB, as resoluções do CNE, a Lei orgânica do Sistema Único de Saúde – SUS, o Projeto Político Pedagógico da UNIPAMPA e as resoluções do Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional – COFFITO, que tratam dos parâmetros de qualidade para os Cursos de Fisioterapia.

     Atendendo a esta legislação, no que concerne à estruturação de novos Cursos de Fisioterapia, partiu-se inicialmente, da concepção de Fisioterapia, Saúde e suas inter-relações, para melhor qualificar o profissional e torná-lo apto a atuar no novo modelo do Sistema de Saúde, que entende o homem como um todo e a multipluralidade da determinação da doença, formando profissionais éticos, generalistas, críticos e reflexivos, capazes de atuar em equipe multiprofissional, em todos os ciclos da vida, visando à integralidade em todos os níveis de atenção à saúde.

     Neste contexto, os conteúdos essenciais para a formação no Curso de Fisioterapia da UNIPAMPA estão relacionados ao processo saúde-doença do cidadão, da família e da comunidade, visando proporcionar a integralidade das ações do fisioterapeuta colaborando dessa forma com a melhora da qualidade de vida e dos padrões de saúde da população da região.

     No Curso de Fisioterapia da UNIPAMPA os conteúdos curriculares contemplam:

  • Ciências biológicas e da saúde;
  • Ciências sociais e humanas;
  • Conhecimentos biotecnológicos;
  • Conhecimentos fisioterapêuticos.

     Independentemente dos conteúdos curriculares, existe a possibilidade de flexibilização curricular a partir da escolha de disciplinas e atividades complementares de graduação. A participação em disciplinas e atividades complementares permite ao discente ampliar ainda mais a sua formação no decorrer da graduação.

     O Curso de Fisioterapia da UNIPAMPA assegura que o ensino, a pesquisa e a extensão estejam respaldadas numa diretriz curricular que tenha como eixo norteador o contexto social levando o profissional a posicionar-se de maneira consciente e comprometida.